Textos

O QUE HÁ DE SE SABER E DE ENTENDER...
 
O que há no fundo do mar?
Ou o que pensa a minha vizinha
sobre o que sei e da minha reputação?
A quem interessa as ideias geniais?
Quem  chegará ao fim do universo?
e ou o que amanhã acontece na vida dos outros?
Se amanhã ainda existo ou estarei bem longe
de gentes e coisas. Etc e tal.
Qual seria dessa vida não existindo mais?
Nada ocorreria e  tudo talvez fosse nada.
Trôpego do além. “Partir cest mourir un peu”.
Horizontes sem fim e,
o enigma do ser e existir. Nada além. O óbvio.
De que lado começa uma ponte
eis que tem dois pontos,
a ida e a vinda...                                                Não seria sempre a mesma coisa?
Por que o ódio é
mais forte que o amor?
Por que os lírios nascem do lodo
e são sempre branco.                                        Prega-se sempre a imaculada virtude...
Os lírios ignoram!                                            
As flores são indiferentes aos preconceitos.
E, por que as armas são mais poderosas
que as leis?
Por que existem as diferenças,
se  todos-supostamente-são iguais?
Precisamos (sempre) de hierarquia e chefes?        Verdadeiras são as crianças
que nascem sem algum partido político
sem ideologias e jamais discriminam,
nem fazem guerras.
Quando nascem...só choram por nós.
Há um manto sobre a nossa real existência.
 
helion verri
Enviado por helion verri em 24/02/2018


Comentários


Imagem de cabeçalho: raneko/flickr